sexta-feira, janeiro 27, 2006

"Aquiete-se..." (Salmo 46:10)
por Jonathan Edwards. Junho
de 1735.

Os homens poderosos, e os homens ricos, e os homens sábios não podem impedir Deus de fazer o que lhe agrada. Ele faz pouco caso dos conselheiros, ele não aceita a pessoa dos príncipes, nem considera o rico mais do que o pobre. Há muitos planos no coração de um homem, mas é a vontade de Deus que prevalece, e os pensamentos de seu coração para todas as gerações. – Quando eletranqüilidade, quem a pode abalar? Quando ele esconde sua face, quem o pode ver? Ele quebra, e ninguém pode reedificar: ele cala um homem, e nunca mais sua boca se abre. Quando ele decide, quem pode dissuadi-lo? E quando sua mão está esticada, quem a fará retroceder? – Assim, ninguém pode impedi-lo de ser soberano, e agir como tal. “Ele tem misericórdia de quem ele quiser ter misericórdia, e endurece a quem quer.” Ele possui as chaves do inferno e da morte. Ele os abre, e ninguém os fecha: ele os fecha, e ninguém os abre. Isto ilustra a loucura de se opor contra os soberanos propósitos de Deus; e quão mais sábios são aqueles que se aquietam e se submetem a sua soberana vontade.

2 comentários:

diego gouveia disse...

Márcio, meu novo blog... Quando puder visitar...
http://casulodeseda.blogspot.com

Anônimo disse...

Wonderful and informative web site. I used information from that site its great. » »